Marcha para Jesus 2015 com cara de protesto evangélico

2emwcxshbch97laxahkkv9mfpMacapá (AP) - PORTAL FIDEI - Com o tema "Pela família, pelo Brasil e contra a corrupção" no dia 30 de maio, às 15hs, evangélicos do Estado do Rio de Janeiro saem às ruas para mais uma "Marcha para Jesus". O evento chega a sua 14º edição com conotações políticas e quer repetir o sucesso de público de edições anteriores.

O tema que nos últimos anos movimenta a luta política de líderes evangélicos no país convoca os fiéis a irem às ruas reinvidicar seus direitos e valores com louvor, orações e música gospel.

Promovido pelo Conselho de Ministros Evangélicos do Estado do Rio de Janeiro (Comerj), cujo o presidente é o pastor Silas Malafaia, a Marcha em 2014 teve a participação de cerca de 500 mil pessoas, segundo a Polícia Militar do Estado. Reunindo uma multidão de fiés de várias denominações pelas princiais ruas da capital fluminense.

“Para este ano, nós estamos com uma temática que interessa a todo brasileiro evangélico e envolve esse panorama conturbado do país. Estamos em favor da família e contra a corrupção”, afirmou Silas Malafaia. Segundo ele, o evento tem o objetivo de clamar a Deus por mudanças no momento atual que vive  Brasil.

Durante o trajeto neste ano vários cantores da música gospel irão apresentar-se animando o público em marcha. De acordo com a coordenação, já confirmaram presença no evento Fernandinho, Eli Soares, Leonardo Gonçalves, Renascer Praise, André Valadão, Thalles Roberto, Flordelis, Nani Azevedo, Jozyane, Comunidade Zona Sul, Mariana Valadão, Geraldo Guimarães, Danielle Cristina, Gabriel, Sarando a Terra Ferida, Kleber Lucas, Léa Mendonça, William Nascimento, Ministério Apascentar de Nova Iguaçu, Nova Jerusalém, Gospel Night e muitos outros participarão da Marcha para Jesus.

A adesão de um grande número de artistas gospel também deve garantir a participação de um público nas proporções de outros grandes eventos no Rio de Janeiro, como a Jornada Mundial da Juventude em 2013 com o Papa Francisco, promovida pela Igreja Católica.

Marcha-banner-miolo